Doação de Leite Materno no Rio de Janeiro – como fazer?

Doação de Leite Materno no Rio de Janeiro – como fazer?

O que fazer com o leite excedente, principalmente nos primeiros meses de amamentação, em que a produção ainda não se ajustou à demanda? Muitas mães precisam extrair leite para aliviar o excesso de produção e acabam descartando esse leite tão maravilhoso que pode fazer um bem enorme a muitos bebês prematuros e internados em hospitais do estado.

No Rio de Janeiro, o Instituto Fernandes Figueira (IFF) é o Centro de Referência em Bancos de Leite Humano e apoio à amamentação. Localizado no bairro do Flamengo, tem atendimento presencial às mães que precisam de orientação, funciona como posto de coleta e, a partir dele, são coordenadas e enviadas as doações de leite materno recebidas.

2015_809485369-banco_de_leite_-22-_20150420
Foto: Jornal Extra

Para ser uma doadora de leite materno, você precisa ser uma pessoa saudável, não usar medicamentos ou drogas que impeçam a doação e se dispor a ordenhar e a doar o excedente. Você pode ordenhar o leite manualmente (esse é o modo preferencial recomendado pelo IFF) ou usar bomba manual ou automática. Você pode ver todos os detalhes sobre como ordenhar e armazenar o leite aqui e aqui.

Mas se engana quem pensa que para doar leite, é preciso ir até o IFF ou a qualquer outro posto de coleta. É mais fácil do que você imagina! Basta ligar para o SOS Amamentação, pelo número 08000-268877, e abrir uma ficha de cadastro. Para se tornar uma doadora, são pedidos alguns exames de sangue e é feito um questionário para confirmar que não há uso de medicamentos ou quaisquer outras substâncias que podem ser transmitidas via leite materno.

Uma vez que o cadastro está pronto, basta agendar a entrega dos recipientes para armazenamento e a melhor data e hora para coleta. Você nem precisa sair de casa! Os recipientes são entregues, você mesma retira, armazena e congela o leite e, posteriormente, as doações são coletadas no seu endereço mesmo. Caso queira cancelar as doações, é só avisar por telefone e pronto. Não há nenhum custo envolvido e nem obrigatoriedade de participar do programa.

Caso prefira se informar pessoalmente, você pode se dirigir ao IFF ou aos outros 17 pontos de coleta do RJ – veja relação completa dos pontos aqui.

 

Leitura complementar

Ainda tem dúvidas sobre como fazer? Veja como se preparar para doar leite materno

Quer doar, mas não mora no Rio de Janeiro? Confira a Rede Nacional de Bancos de Leite

Acha doação a coisa mais linda da vida (nós também achamos!) e quer doar também sangue e medula? Veja como funcionam as doações de leite, sangue e medula óssea.

Roda de Conversa: dia 04/06 vamos falar sobre o puerpério

Roda de Conversa: dia 04/06 vamos falar sobre o puerpério

O bebê nasceu e a sua vida virou de cabeça pra baixo? Sem tempo de comer, tomar banho, fazer um xixi e parece que ninguém mais na face da terra te entende?

Calma, respira. A gente entende sim. E você não está sozinha!

Venha conversar sobre as dores e as delícias do pós-parto! Faça seu desabafo, conte pra gente como está sendo. Vamos dar as mãos e passar por isso juntas?

Nossa Roda vai acontecer no Leblon, no dia 04/06, às 9h.

O encontro é aberto e gratuito. Para participar e receber os detalhes, basta mandar a sua confirmação por e-mail: partoporamor@partoporamor.com.br.

Esperamos vocês!

Captura de Tela 2016-05-19 às 17.22.32